Rodas de samba para conhecer em SP

Quem disse que São Paulo não tem samba? Tem sim senhor. E para quem curte uma boa roda de samba, a cidade ainda guarda alguns lugares que você precisa conhecer.

1. Buraco do Sapo

Promovido todo segundo domingo do mês na Comunidade Buraco do Sapo (Freguesia do Ó) no cair da tarde, esta roda de samba existe há mais de 30 anos. No começo, eram poucos músicos, que foram ensinando as crianças da comunidade a tocarem, formando verdadeiras gerações de sambistas na região. Aberta ao público e com entrada gratuita, a roda de samba se tornou uma das festas mais tradicionais da capital paulista.

2. Samba do Maria Zélia

O segundo domingo do mês parece ser mesmo o dia preferido para o samba paulistano. Nesta data, rola das 15h às 22h o samba do Maria Zélia na comunidade de mesmo nome. Para entrar, basta levar 2 quilos de alimentos não perecível ou R$ 10. O encontro ficou famoso porque já foi prestigiado por músicos como Dudu Nobre e Almir Guineto e além da música, tem macarronada, diversão para as crianças e feira cultural.

3. Você Vai se Quiser

Na Praça Roosevelt, o nome do bar diz tudo sobre o livre arbítrio desse samba. Quinzenalmente às sextas, a roda começa às 19h e vai até perto da meia-noite. Já no sábado, a festa acontece semanalmente, dia que a partir das 16h, é servida uma feijoada. Bem conhecida dos paulistanos, a roda de samba do bar Você Vai Se Quiser é liderada pela própria dona do lugar: a cantora Graça Braga.

Fica a dica pessoal 😉

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.