6 anos sem carro em SP

Pois é, já estou 6 anos sem carro em São Paulo. E até hoje quando falo que não tenho carro, a primeira pergunta que escuto é “Mas como você faz?”. E a segunda, “Você não sente falta?”.

Screen Shot 2016-03-25 at 10.52.43

Respondendo a primeira pergunta. Como eu me locomovo pela cidade? Bom, como grande parte da população: de transporte público, a pé e, quando preciso, de táxi.

Segunda pergunta. Eu não sinto falta de ter um carro? Não. É verdade que ter um carro disponível pode quebrar um galho sim. Por exemplo, no momento estou fazendo mudança e ter um carro facilita. Ou quando quero viajar no final de semana. Mas mesmo em situações assim, posso contornar facilmente simplesmente alugando um carro.

Desde que parei de dirigir no meu dia a dia, posso afirmar que minha vida em São Paulo melhorou muito. Não me estresso mais com o trânsito, não fico procurando vaga para estacionar, quando saio, posso beber sem preocupação alguma… Sem contar que economizo na gasolina, estacionamento, seguro…

Mas fator principal, é que comecei a prestar muito mais atenção na cidade. Durante minhas andanças por aí descobri lugares, conheci pessoas, vi apresentações de artistas de rua, andei com calma, andei com pressa, tomei chuva, tomei sol… Enfim, a sensação é que vivi mais São Paulo.

Não estou falando que todo mundo tem que vender o carro agora. Mas para quem quiser começar, deixe o carro 1 semana na garagem e veja a diferença. Fica a dica pessoal 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.